Tutorial para investigadores de Humanidades acerca de como explorar o Arquivo.pt

Última atualização em 1 de Agosto de 2022 às 14:21

O Programming Historian visa desenvolver competências digitais entre os investigadores de Humanidades através da publicação de aulas práticas em vários idiomas.

A chamada Computational analysis skills for large-scale humanities data originou 7 novas lições.

Uma delas foi o tutorial “Sumarização de narrativas acerca de eventos do passado documentados na web utilizando Python: o caso do Arquivo.pt” desenvolvido por Daniel Gomes e Ricardo Campos.

Este tutorial mostra como explorar as interfaces de utilizador e de Programação de Aplicações (API) disponibilizadas pelo Arquivo.pt para realizar pesquisas avançadas, processar grandes quantidades de dados ou desenvolver novos serviços, tais como o ContaMeHistorias.pt.

Todos os recursos criados estão disponíveis gratuitamente em acesso aberto.

Recursos de acesso aberto do tutorial “Sumarização de narrativas acerca de eventos do passado documentados na web utilizando Python: o caso do Arquivo.pt”

 

Dados abertos acerca de criptomoedas

Cryptocurrency chart (Photo: QuoteInspector)

Última atualização em 29 de Julho de 2022 às 13:41

(Photo: QuoteInspector)

Desde 2008, o mercado de criptomoedas revolucionou o mundo inovando e expandindo para outras áreas (por exemplo, finanças e arte). No entanto, com essa rápida expansão, muitos projetos são criados todos os dias, dando origem a uma ampla e variada gama de sites, tecnologias e fraudes. Os mercados seguem fases de financiamento e é durante uma fase inicial de euforia que mais projetos são criados.

Acreditamos que, à medida que o mercado de criptomoedas se estabiliza, projetos/sites vão desaparecendo porque o financiamento diminui ou acaba.

O Arquivo.pt iniciou uma nova coleção de arquivos web que preserva o conteúdo web que documenta as atividades de Criptomoedas.

Este trabalho produziu um novo conjunto de dados aberto com informação documentando cada projeto de criptomoeda, incluindo os seus URLs originais e links para a versão arquivada na web correspondente no Arquivo.pt. As fontes de informação selecionadas para criar este conjunto de dados foram:

Acreditamos que ao criar este novo conjunto de dados relacionado com criptomoedas e ao preservar todo o conteúdo web correspondente, tem potencial para originar contribuições científicas inovadoras em diversas áreas como Economia ou Humanidades Digitais.

Recursos

Os investigadores que pretendam realizar estudos sobre o conjunto de dados de Criptomoedas e necessitem de acesso antecipado aos conteúdos recolhidos podem contactar o Arquivo.pt.

Conheça os vencedores do Prémio Arquivo.pt 2022!

thumbnail_pt_vencedores_2022

Última atualização em 26 de Julho de 2022 às 10:39

Os vencedores do Prémio Arquivo.pt 2022 foram anunciados pelo Jornal Público no dia 22 de julho de 2022, parceiro oficial de comunicação desta edição, que atribuiu uma menção honrosa ao melhor trabalho baseado nos conteúdos do jornal.

Foram recebidos 22 trabalhos candidatos.

A cerimónia de entrega de prémios acontecerá a partir de setembro em data a anunciar.

1º classificado – “Arquivo do Parlamento”

O vencedor do prémio no valor de 10 000 euros foi o trabalho “Arquivo do Parlamento” desenvolvido por Tiago Santos.

“Arquivo do Parlamento” é uma aplicação Web que agrega notícias e artigos de opinião extraídos do Arquivo.pt com base nos dados abertos do Parlamento.pt.

Por exemplo, um utilizador pode pesquisar sobre uma personalidade política e obtém discursos, notícias e outras publicações que o Arquivo.pt preservou.

2º classificado – “Classificação automática de artigos estigmatizantes de doenças mentais”

O 2º prémio no valor de 3 000 euros foi atribuído ao trabalho “Classificação automática de artigos estigmatizantes de doenças mentais”, da autoria de Alina Yanchuk, Alina Trifan, Olga Fajarda e José Luís Oliveira.

Este trabalho desenvolveu uma metodologia para a classificação automática de artigos estigmatizantes de doenças mentais, presentes em jornais de notícias portugueses online, através de Inteligência Artificial.

Por exemplo, uma notícia que utiliza o termo esquizofrenia associado a uma notícia sobre vida política é classificada como estigmatizante. Utilizando processos automáticos este trabalho permite identificar milhares de notícias e chamar a atenção dos media e da sociedade para a estigmatização de doenças mentais.

3º classificado – “Arquivo Público”

O 3º classificado recebeu um prémio no valor de 2 000 euros e foi atribuído ao trabalho “Arquivo Público”, desenvolvido por Diogo Correia e Ricardo Campos.

“Arquivo Público” é uma aplicação Web focada nos conteúdos publicados no sítio Web do Jornal Público ao longo do tempo e preservados pelo Arquivo.pt.

Como resultado, temos uma interface Web que permite a visualização de notícias arquivadas sobre um determinado assunto e ainda a representação do número de notícias, termos mais frequentes e referência geográfica.

Menção Honrosa do Público

O jornal Público, parceiro oficial da 5ª edição do Prémio Arquivo.pt, atribuiu a sua Menção Honrosa ao trabalho “Arquivo Público”, realizado por Diogo Correia e Ricardo Campos.

Imprensa

Participação do Arquivo.pt no encontro do International Internet Preservation Consortium

thumbnail_GA_WAC2022

Última atualização em 29 de Julho de 2022 às 12:34

Encontro com a comunidade dos arquivos da Web

O Internacional Internet Preservation Consortium (IIPC), consórcio que reune inicitivas de preservação da Web de todo o mundo, realizou a Assembleia Geral com os seus associados entre os dias 17 e 19 de maio de 2022.

Na semana seguinte, nos dias 24 e 25 de maio, realizou-se a IIPC Web Archiving Conference (IIPC WAC), via online tal como no ano anterior devido às contingências da pandemia da Covid-19.

O acolhimento dos dois eventos foi feito pela Library of Congress.

Recursos e iniciativas do Arquivo.pt na Web Archiving Conference

A IIPC Web Archiving Conference (IIPC WAC) é uma iniciativa aberta à comunidade, onde podem participar pessoas ou entidades não associodas ao IIPC e interessadas no domínio da preservação da Web.

O Arquivo.pt contribuiu em duas sessões Ligthtning Talks  (sessão 5 e sessão 13).

As apresentações do Arquivo.pt centraram-se nos recursos e iniciativas que este serviço tem ultimamente oferecido à comunidade.