Normas de formato respeitadas

Para que os conteúdos de um sítio web possam correctamente processados e preservados, é aconselhável que normas de formato sejam respeitadas.

Cada conteúdo digital tem de respeitar uma norma que especifica o seu formato, para que possa ser interpretado pelos computadores e apresentado de uma forma compreensível às pessoas. Por exemplo, um ficheiro foi codificado segundo a norma JPEG, para que um browser o possa interpretar e por sua vez mostrar uma fotografia no monitor a uma pessoa.

  • Se um conteúdo não estiver codificado respeitando uma norma de formato, a informação nele contida pode tornar-se inacessível.

O respeito pelas normas permite que um conteúdo possa ser correctamente processado e preservado ao longo do tempo, mantendo-se acessível mesmo depois de o formato do conteúdo ter deixado de ser usado. Porém, é frequente encontrar páginas na Web que não respeitam as normas de formato.

Atenção que mesmo passando a validação automática de formato, é necessário respeitar a semântica das etiquetas. Por exemplo, os cabeçalhos deverão ser marcados no código de uma página pelas etiquetas H1, H2, H3, …, H6, por ordem decrescente de importância. Os cabeçalhos de uma página nunca deverão ser codificados usando outras etiquetas.